Em Portugal

Em Portugal, o boxe surgiu no início do século XX. No ano de 1909, realizou-se um combate de boxe que opôs o inglês Drumond ao norte-americano Sam MacVea e isso suscitou o interesse e a curiosidade de todos os adeptos da modalidade. O seu aparecimento criou desde logo um fascínio enorme entre os demais e a partir daí criaram-se vários clubes amadores, como o Ginásio Clube Português, Clube Arte e Sport, Sport Cruz Quebradense, Clube Português de Recreio e Desporto, entre outros. A Federação Portuguesa de Boxe (FPB) foi fundada em 14 de março de 1914 e teve como primeiro presidente o levantador Manuel da Silveira do Ginásio Clube Português. Ricardo Ferraz dedicou uma carreira de perto de 40 anos ao boxe português, tendo como ponto alto a presença nos Jogos Olímpicos de Moscovo, em 1980, como treinador de João Miguel “Paquito”, o único pugilista luso a marcar presença na competição olímpica. Apesar da carreira efémera como praticante, Ricardo Ferraz ficou conhecido como o “Senhor Boxe”, distinguindo-se como técnico (no Sporting orientou vários pugilistas portugueses) e dirigente desportivo, tendo sido também presidente da Associação de Boxe de Lisboa.

Fonte: COI e A.B.Lisboa

www.000webhost.com